Por iniciativa do deputado Elio Rusch (DEM) a Assembleia Legislativa realizou na noite desta terça-feira (31) sessão solene comemorativa dos 150 anos da Comunidade do Redentor de Curitiba, filiada à Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil (IECLB).

Deputado Elio Rusch

Deputado Elio Rusch

O deputado Elio Rusch lembrou que “todas as sessões plenárias da Assembleia Legislativa iniciam-se com a frase ‘sob a proteção de Deus’, indicando que somos uma Casa de Leis que respeita e acolhe todas as religiões. Homenagear a Comunidade do Redentor é reconhecer a importância e a influência da religião luterana na formação de Curitiba”.

Pastor Marcos

Pastor Marcos

Durante a sessão o pastor da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil, Marcos Antonio da Silva, fez breve pronunciamento, bem como a Presidente da Comunidade do Redentor de Curitiba, Izabelle Gutz, homenageados com menções honrosas. A sessão foi presidida pelo deputado Jonas Guimarães (PSB), e contou com a especial presença do deputado Stephanes Júnior (PSB), ex-aluno do Colégio Martinus, e do desembargador substituto do Tribunal de Justiça do Paraná, Dr. Victor Martim Batschke.

Os corais luteranos Girassol (formado por crianças), feminino e masculino se apresentaram durante a sessão, encantando o público presente.

HISTÓRIA

Precursora de inúmeras igrejas luteranas em Curitiba, a Comunidade Luterana do Redentor começou a se formar com a reimigração dos alemães que vieram de Joinville para Curitiba, de 1851 a 1866, mas não tinham um pastor local. Em 02 de dezembro de 1866 a Comunidade Luterana do Redentor foi oficialmente fundada pelo Pastor Johann Friedrich Gaertner, que passou a dirigi-la.

A Comunidade do Redentor marcou a história da capital desenvolvendo importantes e perenes trabalhos na área educacional – onde destacamos a fundação do Colégio Martinus e da Faculdade Evangélica de Medicina e Enfermagem – e de ação social, como creche, asilo, além do Projeto Dorcas realizado em Almirante Tamandaré. As atividades são realizadas por membros da comunidade em parceria com entidades que visam a dignidade humana.

Segundo o pastor Marcos Antonio, o ano de comemoração do aniversário de 150 anos é uma oportunidade para refletir “sobre a igreja que somos e a igreja que queremos ser”. A sessão solene realizada na Assembleia Legislativa integra uma intensa programação que se estenderá por todo o ano, incluindo concertos, palestras, cultos e o lançamento de uma edição comemorativa à presença luterana em Curitiba.

As celebrações previstas incluem uma série de 10 concertos musicais até o final do ano, uma palestra no dia 23 de agosto dentro do projeto de resgate da história de comunidades religiosas em Curitiba, promovido pela Pastoral da PUC em colaboração com o Circulo de Estudos Bandeirantes, um evento evangelístico para o bairro São Francisco em data ainda a ser definida e sessão solene na Câmara Municipal de Curitiba. O lançamento da edição comemorativa aos 150 anos da comunidade acontecerá em novembro, e o culto principal no dia 4 de dezembro, com a presença do pastor presidente da IECLB.

Créditos de todas as fotos deste álbum: Pedro Oliveira / ALEP