A governadora Cida Borghetti anunciou neste sábado (09/06), em Guaíra, a medida do Governo do Estado que estende a regra de isenção de Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) concedida a estabelecimentos comerciais com regime aduaneiro de loja franca, os chamados “freeshop”, às lojas de produtos importados que tenham sede em cidades-gêmeas de municípios estrangeiros.

A medida, que visa estimular a economia e o crescimento dessas regiões, beneficia Guaíra, que é cidade gêmea de Salto del Guairá, no Paraguai; Foz do Iguaçu, na tríplice fronteira; Barracão e Santo Antônio do Sudoeste, fronteira com a Argentina.

A governadora disse que com o benefício são esperados novos investimentos nessas regiões de fronteira, atraindo um maior número de turistas e ampliando a geração de emprego e renda para a população desses municípios. “Essa medida amplia os investimentos, movimenta o comércio e o turismo e faz a moeda girar para criar riquezas no nosso Estado”, disse a governadora.

“É uma grande oportunidade para fomentar o comércio brasileiro e, principalmente, gerar empregos formais em Guaíra para que os nossos trabalhadores não precisem atravessar a ponte atrás de oportunidades”, acrescentou.

Com a medida, o Paraná se junta a Santa Catarina, Rio Grande do Sul e Mato Grosso do Sul, que já implantaram o mesmo benefício nas cidades fronteiriças de suas regiões. Para o prefeito da Guaíra, Heraldo Trento, essa decisão vai impactar no desenvolvimento da cidade como um todo. Segundo ele, isso atrairá mais investimentos e consequentemente trabalho, renda e desenvolvimento. “Teremos a possiblidade de ter um comércio como no Paraguai, dentro da nossa cidade. Será um salto econômico como nunca visto antes”, afirmou.

“Tenho acompanhado e trabalhado junto com o prefeito Heraldo, vereadores e toda equipe administrativa neste projeto e esta assinatura da governador representa um importante passo no progresso e desenvolvimento de Guaíra”, descreveu o deputado estadual Elio Rusch.

Com informações da AEN e assessoria.