A continuidade da duplicação da BR 163, trecho entre Marechal Cândido Rondon e Toledo, e previsões orçamentárias para obras em rodovias na região Oeste do Paraná  foram o assunto da reunião desta quinta-feira (09) em Cascavel. O  superintendente do Departamento Nacional de Infraestrutura e Transportes (Dnit) no Paraná, José da Silva Tiago, participou do encontro organizado pela Caciopar (Coordenadoria das Associações Comercias e Empresarias do Oeste do Paraná) e apresentou às lideranças reunidas um panorama sobre a situação na região. O deputado estadual Elio Rusch, o prefeito de Marechal Cândido Rondon, Marcio Rauber, e o vice-prefeito de Toledo, Tita Furlan, estiveram no encontro.

O superintendente do Dnit explicou a situação em relação a BR 163, segundo o qual houve várias tratativas afim de se manter a obra e os recursos. Tiago relatou que há recursos a serem liberados para a obra, contudo o valor representa a continuidade para alguns meses. Mais recursos federais precisam ser angariados para que a obra não pare no segundo semestre deste ano.

O deputado estadual Elio Rusch somou-se aos representantes de classe, prefeitos, vereadores e empresários para reafirmar a importância da duplicação na BR 163 para a região oeste e cadeia produtiva do estado. Rusch relatou a necessidade do envolvimento entre lideranças estaduais e sociedade civil organizada para buscar no governo federal os recursos para continuidade das obras.

Deputados federais, deputados estaduais, prefeitos e representantes regionais participarão na próxima semana de reunião em Brasília com o ministro dos transportes, Maurício Quintella Lessa. O encontro foi agendado pelo coordenador da bancada paranaense, deputado federal Toninho Wandscheer, para apresentar a solicitação do Oeste Paranaense.